Já saber viralizar no Facebook?

Já saber viralizar no Facebook?
Seja Magnético

Alerta Geral

Brasil, o pais da Copa e das Olimpíadas tem vários falsos fisioterapeutas e a população tem que tomar cuidado!

Terça-Feira, 11 de fevereiro de 2014
Fisioterapia tem que ser com um fisioterapeuta!
Foto: Reprodução
Vamos falar de utilidade publica e esclarecer o que é a fisioterapia e os cuidados que a população tem que ter na hora de ser atendida.

Para começar, a Fisioterapia pode ser definida como uma ciência aplicada ao estudo, diagnóstico, prevenção e tratamento de disfunções cinéticas funcionais de órgãos e sistemas. Ou seja, a fisioterapia estuda todas as funções normais das estrutura e órgãos do corpo humano e assim o Fisioterapeuta utiliza todo seu conhecimento para fazer o diagnóstico, prevenção de lesões e mal funcionamento dos órgãos e sistemas do nosso corpo, e também tratamento, conseguindo estabilização e melhora da qualidade de vida dos pacientes. Para isso a Fisioterapia utiliza de vários recursos como o movimento corporal, as irradiações e correntes eletromagnéticas, entre outros recursos, sobre o organismo humano.

Para atuar como Fisioterapeuta o profissional tem que ter um curso superior de bacharelado em Fisioterapia completo, registo no COFFITO (Conselho Federal de Fisioterapia e Terapia Ocupacional), através de protocolo de documentação no CREFITO(Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional) da sua região, pois só esse profissional está capacitado para diagnosticar disfunções, avaliar, reavaliar, prescrever (tratamento fisioterapêutico), emitir prognóstico, elaborar projetos de intervenção até o fim do tratamento e decidir pela alta do paciente das sessões fisioterapêutica. Tudo Fisioterapeuta registado tem carteira profissional e cédula de identidade profissional emitido pelo conselho regional de sua região.

CUIDADOS PARA A POPULAÇÃO:

Recentemente na Bahia e Rio de Janeiro, houve casos de pessoas se passando por Médicos; isso é crime, podem ou poderiam ter morrido pessoas pelas mão desses falsos Médicos. Na fisioterapia é a mesma coisa, só que com um agravante, existem muitas pessoas se passando por Fisioterapeutas, muito deles se dizendo técnicos de fisioterapia ou estagiários de fisioterapia. Apesar de terem algum conhecimento na área de saúde, eles não têm a formação completa em fisioterapia, e isso acarreta risco aos pacientes.
Por isso devemos ter certos cuidado na hora de procurar o atendimento em fisioterapia, e ter certeza que estamos nas mãos de profissionais competentes. 

CONTEÚDO DA FISIOTERAPIA:

Além disso, a complexidade da profissão reside na necessidade do entendimento global do ser humano, por meio da  anatomia, citologia, fisiologia, embriologia, histologia, biofísica, biomecânica, bioquímica, cinesiologia, farmacologia, neurociências, genética, imunologia, além da antropologia, ética, filosofia, sociologia, deontologia, e outras ciências de formação geral.

A Fisioterapia foi regulamentada oficialmente no Brasil pelo Decreto-Lei nº 938 em 1969 e pela Lei Federal nº 6.316 em 1975. e para o aluno completa sua formação em fisioterapia tem que passar por diversas áreas médicas a fim de associar as patologias com o tratamento fisioterapêutico ideal. Por tanto é necessário ter conhecimento e estudo das áreas de: cardiologia, pneumologia, pediatria, urologia, ginecologia, neurologia, geriatria, ortopedia e traumatologia, reumatologia, dermatologia, oncologia entre outras áreas.  

Os procedimentos da Fisioterapia contribuem para a prevenção, cura e recuperação da saúde. Para que o fisioterapeuta eleja os procedimentos que serão utilizados, ele terá de proceder à elaboração do diagnóstico Cinesiológico Funcional identificando a abrangência da disfunção, assim como acompanhar a resposta terapêutica aos procedimentos indicados pelo próprio profissional. Eis os mais conhecidos e utilizados recursos fisioterapêuticos: Cinesioterapia, eletroterapia, termoterapia, fototerapia, mecanoterapia, massoterapia, mecanoterapia, hidroterapia, crioterapia, equoterapia ou hipoterapia. Alem destes recursos, outros recursos está sendo inserido na fisioterapia como: Acupuntura; Cromoterapia; Magnetoterapia; Argiloterapia; Geoterapia; Helioterapia; Talassoterapia; Microfisioterapia; Spiral Taping; Cristalterapia, etc.

Existem várias áreas de atuação da fisioterapia e entre elas as mais conhecidas são:
Fisioterapia pediátrica, Neonatológica e Hebeátrica, Fisioterapia geriátrica e gerontológica, Fisioterapia dermatofuncional, Fisioterapia uroginecofuncional, Fisioterapia neurofuncional, Fisioterapia traumato-ortopédico-funcional, Fisioterapia respiratória, Fisioterapia orofacial, Fisioterapia esportiva, Fisioterapia manipulativa, Acupuntura, Fisioterapia oncofuncional. Entre tanto existem outras áreas em constante crescimento que são: Fisioterapia clínica; Fisioterapia hematológica; Fisioterapia mastológica; Fisioterapia angiológica; Fisioterapia endocrinológica; Fisioterapia cardiofuncional (ou cardiológica); Fisioterapia intensiva; Fisioterapia preventiva; Fisioterapia hospitalar; Fisioterapia domiciliar; Fisioterapia pericial; Fisioterapia legal; Fisioterapia do sono; Fisioterapia da família e da comunidade.

Especialidades reconhecidas no Brasil:

Fisioterapia Respiratória, Fisioterapia neurofuncional, Acupuntura, Quiropraxia e osteopatia, Fisioterapia traumato-ortopédico-funcional, Fisioterapia esportiva, Fisioterapia do trabalho, Fisioterapia dermatofuncional, Fisioterapia em saúde coletiva, Fisioterapia oncofuncional, Fisioterapia uroginecofuncional, Fisioterapia em terapia intensiva.


AVISO:

O COFFITO e os CREFITOS alertam a população para: procurar identificar sempre quem está realizando o seu atendimento fisioterapêutico, pois não existe a função do técnico, auxiliar ou assistente de Fisioterapia; saber que os estudantes precisam ser supervisionados por um profissional formado e estarem cursando acima do sexto semestre da graduação, além da formalidade do convênio segundo a Lei do estágio. Verificar também se a clínica/consultório onde está sendo realizado o seu tratamento possui registro no Conselho. A Fisioterapia praticada de forma incorreta pode causar sérios danos a saúde humana. 

Fonte: Aprochego

 
Top