Já saber viralizar no Facebook?

Já saber viralizar no Facebook?
Seja Magnético

A bioengenharia está trazendo uma novidade que promete mudar a forma de lidar com os complicados problemas craniofaciais.

Um novo hidrogel começa como um líquido, mas se solidifica à temperatura corporal.
Depois de servir como suporte e induzir a regeneração do tecido ósseo craniofacial, ele novamente se liquefaz, podendo ser removido.
O material, que é solúvel em um líquido à temperatura ambiente e pode ser injetado no local exato do tratamento, foi desenvolvido por Tiffany Vo e seus colegas da Universidade Rice (EUA).
Além da facilidade de aplicação e retirada, por ser inicialmente líquido o material se conforma perfeitamente ao desenho complexo do local a ser tratado, garantindo uma recuperação praticamente perfeita, tanto funcional quanto estética.
Semeado com células
Hidrogel solidifica no corpo para recuperar ossos
O hidrogel injetável sofre uma gelificação rápida a partir de um líquido solúvel (esquerda), formando um gel estável à temperatura do corpo (direita) em cerca de um minuto. [Imagem: Mikos Laboratory/Rice University]
Como é "semeado" com células vivas, o material não serve apenas como suporte, mas induz à formação óssea, criando um novo osso para substituir aquele que foi danificado por acidente ou degeneração.
O gel se conforma aos espaços tridimensionais irregulares da região craniofacial, o que é uma grande vantagem em relação aos suportes implantáveis pré-fabricados.
Assim que o tecido ósseo tenha-se desenvolvido em qualidade e quantidade suficientes para preencher o local tratado, o suporte de hidrogel pode ser retirado em um procedimento simples, depois de voltar ao estado líquido.
O próximo passo é testar o material em cobaias e, a seguir, em seres humanos.
 
Top