Já saber viralizar no Facebook?

Já saber viralizar no Facebook?
Seja Magnético

A sexualidade manifesta-se em todas as fases da vida do ser humano, ou seja, do nascimento até a morte. Durante a maior parte da história da humanidade a sexualidade foi negada devido as crenças religiosas.


Os fatores básicos que influenciam a sexualidade humana (Both e Benincá, 2010), são:
1- Saúde física;
2- Preconceitos sociais;
3- Autoestima;
4- Conhecimento sobre sexualidade;
5- Status conjugal.

A ocorrência de alguma experiência negativa de um dos indivíduos, disfunção sexual de um dos parceiros, insatisfação sexual individual e com o parceiro ocasionam afastamento emocional e físico do casal.

Na mídia, a indústria do orgasmo divulga a ideia de que o prazer sexual é o instrumento para se obter saúde, equilíbrio emocional e felicidade. A observação cientifica, porém, demonstra o contrário: apenas as pessoas saudáveis e emocionalmente equilibradas conseguem, de fato, a satisfação sexual.

A disfunção sexual (DS) é a incapacidade de participar do relacionamento sexual com satisfação. Estas disfunções ocorrem em homens e mulheres, e são ocasionadas por falta, excesso, desconforto e/ou dor na expressão e no desenvolvimento da resposta sexual normal. Para pesquisadores a resposta sexual é composta pela interação de fatores psicossociais, físicos e familiares, e estes compõem-se de quatro fases (desejo, excitação, orgasmo e resolução). A interrupção, por vários fatores, em uma ou mais destas fases determinam disfunção sexual.

Como a fisioterapia atua na sexualidade?

Alterações na estrutura muscular em homens e mulheres alteram a função destes músculos durante a relação sexual. Visto que fraqueza muscular, alteração de sensibilidade local, desuso muscular, e falta de conhecimento anatômico e sexual contribuem para a disfunção ou incapacidade e ter orgasmo em homens e mulheres.

Autores afirmam que além de problemas físicos existem muitos conflitos interpessoais que podem influenciar na excitabilidade sexual, como relacionamento extraconjugal, ofensa verbal ou sexual, ausência da libido sexual e desejo, prática diferentes do parceiro, pouca comunicação e autoconhecimento sexual, doenças e outros fatores.

A Fisioterapia promove uma conscientização da musculatura íntima e da sexualidade individual do paciente. Com a realização de exercícios nos MAP ocorre aumento da força muscular, coordenação, melhora do tônus local e da sensibilidade, a circulação é restaurada, e como conseqüência observa-se aumento ou início do desejo, lubrificação e prazer.


Fabiane Dell´Antônio é fisioterapeuta, palestrante e professora universitária desde 1999, está escrevendo um livro sobre o assunto Sexo e Sexualidade. No decorrer da vida acadêmica e clínica, especializou-se em Neuropsicologia e Aprendizado – PUC / PR, em Fisioterapia em Uroginecologia – CBES / PR, em Sexualidade Humana – USP / SP e Mestrado em Ciências da Saúde Humana – UnC / SC.

 



Contato:

TRÍCIA MACEDO
11 4738 5778 / 11 99624 6375
tricia@movimentobureau.com.br
www.movimentobureau.com.br
 
Top