Já saber viralizar no Facebook?

Já saber viralizar no Facebook?
Seja Magnético
































ELÁSTICO COM VARIAÇÃO DE PESO

Em 2000, o fisioterapeuta e professor de pós-graduação de Fisioterapia Esportiva Fábio Marcelo ministrava uma aula sobre resistência elástica. Enquanto falava do tema, lançou o desafio: quem substituísse o uso de pesos por elásticos para o exercício físico mudaria o trabalho de resistência da forma como ele era conhecido.
Um de seus alunos, Rafael Coutinho, encarou a missão e criou o Elastos, fruto de anos de pesquisa e dedicação.

— Na época, o mercado era muito restrito para esse tipo de material. Hoje, temos uma oferta relativamente grande, mas nada com a proposta que o Elastos tem — garante Coutinho, que chegou à fórmula para comercialização em 2009.

Fábio Marcelo, dono da clínica Fábio Marcelo Fisioterapia do Esporte, que oferece o Elastos há pouco mais de um ano, diz que a procura tem se intensificado. A inovação, explica ele, é que o equipamento garante a precisão que máquinas de peso com ajuste de cargas têm, mas de uma forma mais simples. Os elásticos podem ser adaptados a qualquer superfície, e cada uma das sete cores têm quatro variações de peso:

— Dá para saber a quanto o exercício com ele equivale em quilos, o que não acontecia com outros equipamentos.

O jogador Éder Luís, cliente da clínica, usa o Elastos há cerca de dois meses. Faz uma série de 20 minutos de exercício para as pernas, além do treino habitual, em academia.

— O equipamento ajuda muito na preparação, por acelerar o processo de fortalecimento dos músculos — diz.

Além do fortalecimento, diz Fábio Marcelo, o Elastos trabalha a resistência e a potência musculares e pode ser usado em treinos em academias, associado à cama elástica do jump e a outros aparelhos. É fundamental, avisa ele, que antes do início das atividades o aluno consulte um profissional para avaliação.

PULSO

18.01.2013 (By IÚRI TOTTI)

Recebo um e-mail de um assessor de imprensa apresentando um produto de resistência elástica, que pode ajudar na minha corrida, chamado Elastos. Seu objetivo é permitir uma melhoria no desempenho esportivo de atletas amadores e profissionais, dando aos seus praticantes aumento de força, flexibilidade e equilíbrio, peça-chave para melhorar resultados e prevenir lesões. Fico interessado e marco para fazer uma aula experimental na Lagoa Rodrigo de Freitas, após um treino de corrida.
Rafael Coutinho, fisioterapeuta e criador do Elastos, me mostra o equipamento, que consiste em tiras elásticas, com sete níveis de resistência, identificados por cores, que, dependendo da combinação, podem ir de 1kg até 25kg, além de acessórios, e explica os seus benefícios.
Fundamentada na biomecânica dos movimentos, a metodologia do Elastos, criada pelo fisioterapeuta Rafael Coutinho, consiste em uma ampla variedade de exercícios, organizados em níveis progressivos de dificuldade. Cada objetivo é alcançado com a criteriosa combinação de exercícios, permitindo que o praticante evolua continuamente.
“A partir da análise biomecânica de cada esporte, trabalhamos os principais padrões de movimento e cadeias musculares envolvidas. No início, o aluno passa por um programa intensivo de estabilização corporal e equilíbrio muscular, através de técnicas respiratórias e de sustentação do próprio peso. Na medida em que ele evolui nessa etapa, posturas mais desafiadoras e movimentos mais complexos são incluídos no programa. No final, você treina o esporte com a máxima eficiência possível. Os resultados são aumento de força do core, movimentos mais eficientes e prevenção de lesões”, afirma Rafael.
Entre um exercício e outro, com tornozeleiras e amarrado em uma das árvores do trecho do Parque do Cantagalo, Rafael me explica como teve a ideia de criar o Eslatos:
“Desenvolvi vários estudos e os coloquei em prática. Foi quando percebi a ausência de acessórios adaptáveis e a má qualidade dos produtos, que arrebentavam facilmente e arriscavam a saúde dos meus clientes. Decidi desenvolver um aparelho resistente e adaptável aos diversos locais e condicionamento físico dos usuários. Para garantir o que prometo, submeti todas as peças a testes em laboratórios (Inmetro, UERJ, UFRJ e UNB), que comprovaram maior durabilidade e segurança no equipamento”.
Rafael me diz que os exercícios do Elastos podem ser usados por atletas de várias modalidades.
“Adequamos a dinâmica de cada modalidade aos exercícios com Elastos. Além de melhorar a performance e precisão dos movimentos, preparamos o corpo do atleta para evitar lesões”, afirma Rafael, lembrando que o método visa também a redução de medidas, tonificação muscular e flexibilidade.
Uma das características que me chamou atenção no Elastos foi sua versatilidade. Como não é pesado e é acondicionado em uma pequena bolsa, dá para levá-lo em viagens para não deixar de fazer os exercícios.
"O Elastos é um método específico de exercícios e um equipamento de resistência elástica portátil, fato que o faz se adaptar, com facilidade, a qualquer local e que contribuiu para a eficácia da sessão de treinamentos, seja em locais fechados ou ao ar livre", diz Rafael.
Após duas horas de muitos exercícios e bate-papo, minha conclusão sobre o Elastos:
“Durante a aula de demonstração, experimentei vários exercícios específicos para corrida. Fui dos básicos aos mais avançados e gostei bastante, tanto que vou inseri-los na minha rotina de treinos. A sensação de leveza após o treino foi muito legal. Dá para perceber que se o treinamento foi realizado com freqüência os resultados não demorarão a aparecer.
Informações: www.elastos.com.br
E recentemente, mais precisamente em 30.11.2014, agora com destaque total, em 3 páginas, Na Revista O GLOBO, coluna BELEZA, volta a aparecer!
Parabéns ao resistente e elástico Dr. Rafael Coutinho!

E hoje, 14 anos após, a Elastos é uma realidade!





 
Top