Já saber viralizar no Facebook?

Já saber viralizar no Facebook?
Seja Magnético


Quanto mais processados, mais prejudiciais à saúde são os alimentos.

“A gente tem de voltar a comer comida.” É o que defende a nutricionista gaúcha Maisa Beltrame Pedroso, doutora em educação. A especialista diz que muitos alimentos processado possuem muito mais gorduras, açúcares e corantes do que o nutriente que dizem ser. “Um determinado produto é apresentado como sendo de fruta, aí no rótulo diz, aromatizado com sabor da fruta.”Alimentos muito processados tendem a ser menos saudáveis. Mesmo alguns que normalmente são entendidos como adequados para a alimentação. E o mais importante: proporcionar uma alimentação saudável para as crianças passa principalmente pelo exemplo dos pais. Conheça alguns dos possíveis vilões disfarçados de mocinhos da alimentação dos pequenos.

Sucos, iogurte e até gelatina não são tão bonzinhos como se pensa.

Sucos prontos
Sucos são saudáveis. Maisa lembra que um suco de frutas deve ser escolhido no lugar de refrigerantes, por exemplo. A questão é que nem todos os sucos são iguais. Quando não é possível preparar um suco natural, é preciso atenção na hora de comprar. Alguns são produzidos com a fruta e sem muitos aditivos químicos - mas outros terão corantes e aromantizantes. Uma dica é evitar os que dizem néctar na embalagem.

Iogurte
Muita atenção ao rótulo. Iogurtes naturais são saborosos e fazem bem à saúde. Por outro lado, se receberem muitos conservantes, por exemplo, deixam de ser aliados. Maisa dá uma dica. “Quanto maior for o prazo de validade, menos natural ele é.” Também fique de olho nos corantes e na adição de açúcar.

Bebidas lácteas
Bebidas lácteas são produzidas a partir do soro do leite, rico em proteínas, uma bela opção para o café da manhã ou para o lanche. O problema é quando são acrescidas de acidulantes e adoçantes. Novamente, fique ligado nas informações do produto.

Cereais Matinais
Presente no café da manhã de muitas crianças brasileiras, os cereais podem ser amigos ou inimigos de uma dieta saudável. Alguns são ricos em fibras e proteínas. Mas outros são totalmente cobertos por açúcar, e acabam se tornando prejudiciais para pequenos e adultos também.

Barra de cereal
Alternativa de muita gente que quer fazer um lanche rápido e saudável. Não é bem assim. Se algumas, de fato, são bastante nutritivas, outras repetem o problemas dos cereais matinais. São completamente cobertas por açúcar, doces e conservantes. Fique de olho nos rótulos e ofereça aos pequenos as que contiverem menos desses ingredientes.

Biscoito de água e sal
Outro que engana muita gente. É sequinho, leve e parece fazer bem. Seria perfeito, não fosse pela gordura trans. A nutricionista Maisa ainda alerta: quanto mais crocante for o biscoito, maior é a concentração da gordura.

Gelatina
A gelatina ágar-ágar é muito benéfica para o organismo. Extraída de vegetais, é rica em fibra e ajuda a regular o intestino. A de origem animal também tem seus benefícios. Qual é o problema então? Mais uma vez o processamento industrial do produto. O acréscimo de corantes e conservantes, além dos açúcares, pode trazer problemas. Existem crianças que chegam a desenvolver alergias por causa dos corantes.

Chá pronto
Existem inúmeros tipos de chá, cada um com um sabor e uma função diferente. Alguns são melhores, outros piores, mas os grandes vilões são os de lata - os que ficam no mesmo freezer dos refrigerantes. A maioria possui uma grande quantidade de conservantes e adoçantes. Prefira o chá natural, preparado por você mesmo.

Água de coco industrializada
Água de coco é muito hidratante, perfeito para repor líquidos, como salienta Maisa. “Depois da prática esportiva, a água de coco é muito melhor do que qualquer isotônico.” Mas a água de coco natural. As de caixinha, muitas vezes não são iguais aquela retirada da fruta. Para que possam permanecer mais tempo na prateleira, recebem conservantes. Outras ainda contêm açúcar para deixar o sabor mais atrativo.

Pipoca
A pipoca de micro-ondas é pratica e parece mais sequinha. Parece. O fato de não se ver a gordura, não significa que ela esteja lá. E não é em pequena quantidade. Por outro lado, a gordura utilizada para estourar a pipoca na panela é controlada por quem prepara o alimento. O milho na panela também tem bem menos conservantes que o produto pronto.
 
Top