Já saber viralizar no Facebook?

Já saber viralizar no Facebook?
Seja Magnético


Celulites e gorduras localizadas estão com os dias contados. A lipocavitação é um tratamento estético que promete reduzir os efeitos indesejados destes antigos vilões que incomodam, principalmente, o universo feminino. Popularmente conhecido como "lipo sem cirurgia" este é um método que garante melhoras no aspecto das celulites e das gorduras localizadas, além de auxiliar na perda de medidas, a partir das primeiras sessões.

A lipocavitação consiste na aplicação de ultrassom, que é emitido por uma máquina e repassado à superfície da pele que receberá o tratamento por meio de um cabeçote. O aparelho é usado fazendo movimentos circulares. Para o uso correto é necessária a aplicação de um gel na região a ser tratada. O método pode ser utilizado na barriga, nas coxas, na parte interna do braço e em parte do dorso.

O tratamento é indolor e provoca resultados aparentes a partir da primeira sessão, reduzindo medidas e o aspecto indesejado da "casca de laranja" ocasionado pelas celulites. Com a lipocavitação é possível obter um corpo mais modelado e mais definido. Dentre as grandes vantagens da lipocavitação está o fato dos resultados serem duradouros e imediatos, a cada sessão se perde, em média, 3 centímetros.

Cada sessão dura, em média, 30 minutos. O tratamento, considerado uma solução inovadora, é realizado em clínicas de estética por profissionais com formação específica, como fisioterapeutas, médicos e esteticistas.

Tipos de procedimento

Há dois tipos de lipocavitação, o primeiro promove a necrose das células de gordura e tem capacidade de alcançar até 9 centímetros de profundidade da pele. No ano passado, surgiu uma nova geração do tratamento de lipocavitação, trata-se da lipocavitação focalizada, que concentra em um ponto único toda a sua energia, diferente do modelo anterior que espalha a energia a cada aplicação, e, assim, permite uma quebra mais intensa das moléculas de gordura promovendo a eliminação das células adiposas. Ambos têm eficiência comprovada.

Dicas

Uma boa orientação é realizar drenagem linfática após as sessões, visto que a lipocavitação "encaminha" a gordura para os vasos linfáticos. Também é aconselhável a realização de exercícios físicos após as sessões para ajudar na queima de gordura. Uma dieta balanceada irá auxiliar na redução de medidas para quem deseja perder peso.

Contra-indicação

Como todo tratamento, a lipocavitação não é indicada para todas as pessoas. Antes de se submeter à aplicação, é preciso realizar exames de colesterol, triglicerídeos e ultrassonografia de fígado para checar se não há alterações. O ideal é realizar uma consulta médica e informar ao profissional de sua confiança o interesse em iniciar o procedimento.

A lipocavitação não deve ser realizada por grávidas, lactantes, diabéticos, hipertensos, obesos, portadores de doença renal, do figado, cardíaca, epilepsia, varizes na área a ser tratada, paralisia, prótese, placas ou parafusos metálicos no corpo e com colesterol alto.

Curiosidade

O que é cavitação? A cavitação é a denominação de um fenômeno físico que se manifesta num líquido com resultado de uma variação de pressão provocada por uma onda sonora. Estas ondas irão induzir uma série de ciclos de compressão e descompressão da área a ser tratada. Quando os tecidos são sujeitos a estes ciclos, cria-se uma pressão negativa que provoca uma grande quantidade de bolhas de gás que crescem até a implosão.

Fonte: Fisioterapia Dermato-Funcional
 
Top